Refrões sem noção

por Bruno Novaes Silva

Uma das grandes inovações da música certamente foi o refrão, aquela parte execeutada à exaustão auditiva dos pobre ouvintes. O que é fantástico. É a alma da música pop. Nada melhor pra instalar uma música no subconsciente de uma pessoa do que atochando uma parte fácil, melodiosa e grudenta no seu ouvido. O grande problema é quando o refrão é forçado, porque “é necessário ter refrão”. Acaba gerando aberrações como as mostradas.

Continue lendo ‘Refrões sem noção’

Anúncios

Kick-Ass e Scott Pilgrim

por Bruno Novaes Silva

Existem duas HQ na hype “filmes baseados em quadrinhos” atual. Pra quem não faz parte desse mundo, são os filmes baseados em Kick-Ass – Quebrando Tudo! (malditos subtítulos), estreado no Brasil faz poucas semanas, e Scott Pilgrim Contra o Mundo, que estréia ainda este ano. Tive o prazer de ler os dois livros e vou contar sobre as minhas impressões.

Continue lendo ‘Kick-Ass e Scott Pilgrim’

Instants

por Bruno Novaes Silva

Já a alguns anos têm surgido sites com os fantásticos intants. E é uma arte que tá se desenvolvendo. Começou timidamente, um único e solitário botão que ao ser apertado libera um som cultuado. Agora já são inúmeros em uma só página. Não duvido que em alguns anos ou décadas haverá uma incrível base de dados desses sons que tanto fazem parte da nossa cultura popular cotidiana. Continue lendo ‘Instants’

Refrões do Muse

por Bruno Silva

Pois é, negadinha. Senti saudades e voltei. To chegando à conclusão de que o C, N! é tipo o irmão gêmeo malvado que nunca morre, sempre desaparece mas volta para uma reviravolta no plot. Enfim, sejam bem vindos novamente e espero que o blog seja bem vindo de novo no seu Google Reader.

Estou com uma música na cabeça hoje que não consigo me livrar. Até tirei ela na guitarra pra ver se exorcizo (o que não é uma coisa simples, guitarrinha não muito simples).  Essa música é Plug In Baby do Muse. Mas este post não é sobre a música. É sobre um assunto mais abrangente sobre a banda já citada. Banda que gosto bastante, aliás. Mas tem uma coisa que me incomoda nela. Eles não tem muita criatividade para refrões.

Continue lendo ‘Refrões do Muse’

De casa nova

O correnegada finalmente realizou o sonho da casa própria.

www.correnegada.com.br

And the Oscar goes to…

Por Lu Fávero

22.02.2009 –

Resolvi deixar a preguiça de lado e cumprir pelo menos uma das minhas infindáveis promessas de ano novo: assistir ao Oscar, inteirinho e sem as abomináveis dublagens habituais. Dispensei os (muitos) convites para assistir a cerimônia na agradável companhia de meus amiguinhos e litros de alcóol e parti – com pipoca, guaraná, sorvete e cobertor – para a minha mais nova aventura no mundo do cinema. Continue lendo ‘And the Oscar goes to…’

Sobe?

por Bruno Silva

Pra vocês, qual foi o maior desastre musical dos últimos 50 anos? A selvageria do Punk e seus 4 acordes que fez com que todo mundo pensasse que pudesse tocar? A música eletrônica que de arte de vanguarda passou para “As Melhores da Pan 97”? Ou seriam todas as modas musicais brasileiras de 20 anos pra cá com a Lambada, o Pagode, Axé, Sertanejo, o Funk Carioca? Não sei de vocês, mas pra mim foi a música de elevador.

Continue lendo ‘Sobe?’